segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Teus olhos

Janilson Barros do Amaral¹


Teus olhos são duas estrelas,
Que brilham
Ao me olhar;
São como o azul do oceano,
São como as águas
Do mar.
São como o vento da noite,
Que arrasta tudo
Ao soprar;
São dois astros cintilantes,
Perdidos no céu
A brilhar.
São belos teus lindos olhos!
Que não me cansam
De olhar;
São como meu amor por ti,
Pois nunca vão
Se apagar;
São como nós dois querida!
Bem juntos vão
Sempre andar.
________________
¹Engenheiro Agrônomo, Técnico em Edificações, Professor e Escritor
E - mail: jbamaral@gmail.com Blog: http://jbamaral.blogspot.com

Um comentário:

  1. Janilson!

    Você apesar de fazer parte de um Sistema de
    "Septicemia Corrupitiva", não quer dizer o
    caso, mas o que quero mesmo é a sua vitória
    junto aos seus inimigos ocultos e que esses
    olhos brilhantes e relusentes que ainda não
    conseguio se desvencilhar.

    Grande Abraço / 2010

    J B Santiago

    ResponderExcluir